Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Para policiais > Centro de Atendimento Psicológico e Social - CAPS
Início do conteúdo da página

Centro de Atendimento Psicológico e Social - CAPS

Publicado: Quarta, 30 de Maio de 2018, 19h20 | Última atualização em Terça, 05 de Janeiro de 2021, 11h00 | Acessos: 3775
imagem sem descrição.
 
- O que é?

O Centro de Atendimento Psicológico e Social - CAPS, presta atendimento em saúde mental para a corporação da PMDF, funcionando das 13h00 às 19h00 de segunda a sexta-feira, no Setor de Áreas Isoladas Sul - SAIS (Setor Policial Sul), Área Especial 4. O Centro apoia o CPSO com avaliações, o 19º BPM e demandas judiciais. Também presta atendimentos sociais, realiza visitas hospitalares, e faz encaminhamentos para a rede credenciada (psicoterapia, ambulatório de psiquiatria e internações). 

 - Atuação

A Subseção de Saúde Mental - SSM é responsável pela emissão de solicitações para avaliação em ambulatório de psiquiatria de serviço credenciado de todos os policiais apresentados ao CPQV, inclusive das solicitações/encaminhamentos feitas por médicos do serviço credenciado para psicoterapia. Também é responsável por orientar os policiais militares sobre as modalidades de avaliação em saúde mental e tratamentos disponíveis, presencialmente ou via whatsapp, através do número: (61) 99993-7786.

A Subseção de Bem-Estar Social - SBES, presta apoio a funerais, com a presença de policiais devidamente preparados, prestando informações diversas relativas às rotinas para internações, marcação de consultas em saúde mental, fazendo visitas hospitalares e prestando apoio 24h por dia pelo telefone: (61) 99618-0241.

Para o atendimento na rede credenciada, os policiais reformados, dependentes ou pensionistas devem comparecer à SAU para retirada de guia de encaminhamento, conforme circular nº 7/2020 – PMDF/DSAP, de 18/06/2020.

Os policiais que outrora, se apresentavam ao CAPS para acolhimento, de forma voluntária, deverão se deslocar diretamente ao SAU, munidos de carteira funcional, para a retirada da guia de encaminhamento para as clínicas credenciadas.

Os policiais que forem apresentados por meio de ofício, deverão comparecer à Seção de Assistência Social – SAS do CAPS, munidos de carteira funcional para registros. Posteriormente serão encaminhados até a SAU para retirada de guia de atendimento.

As novas marcações feitas via internet não dispensam o comparecimento à SAU para retirada de guia.

A rede credenciada em saúde mental fornece atendimento para crianças, adolescentes, adultos, casais e grupos. A estrutura conta com 14 clínicas de psicoterapia, 2 hospitais-dia e 2 clínicas com ambulatório de psiquiatria.

 - Atendimento de urgência/emergência

Para atendimento de urgência/emergência não é necessário passar por triagem ou pedir encaminhamento. O usuário deverá se dirigir diretamente às clínicas credenciadas para avaliação e internação. 

Fim do conteúdo da página